O Instagram tem procurado cada vez mais formas de conectar as pessoas conforme seus interesses, por isso desde 2016 ele atualizou seu algoritmo para que facilite essa troca de conteúdo segundo aquilo que o usuário está buscando. Na configuração anterior havia um limite de curtidas e seguidores diários e ultrapassado gerava um bloqueio. Agora isso inverteu e quanto mais você curte e segue, mais retorno acaba surgindo. Outra mudança é que a organização do feed anterior era cronológica, mas desde a atualização tudo é mostrado segundo o que tem maior engajamento e o que a rede armazena sobre as buscas daquilo que os usuários mais interagem. Se a pessoa procura por hashtags de alimentos, o Instagram vai sugerir posts relacionados à comida. Se o cliente busca por moda, a rede social vai também oferecer esse tipo de publicação e assim sucessivamente. Estando no topo do quesito engajamento, a plataforma tem ganhado cada vez mais investimento de empresas e vendedores, desde microempreendedores a multinacionais. Para conseguir essa visibilidade e alcançar pessoas que estejam interessadas naquilo que você oferece, entenda como o algoritmo do Instagram funciona:

Interação: Conecte-se! Acompanhe perfis do mesmo segmento, curta, comente e interaja com essas páginas e também com seus seguidores. Quanto mais interação, maior a visibilidade e visitas em seu perfil. Quanto mais tempo investido fazendo tudo isso, melhor.

Timing: Saiba quando postar. O Instagram oferece para perfis comerciais um recurso onde mostra as atividades de seus seguidores, assim como um gráfico com gênero, idade e localização de quem te acompanha, inclusive quais os horários onde há mais pessoas online interagindo em seu círculo. Dessa forma fica bem mais fácil saber a hora mais propicia para o seu post ter maior rendimento.

Hashtags: A #Hashtag é a principal ferramenta que une aquilo que a pessoa busca para o conteúdo, sendo a melhor forma de atrair o seu público alvo. Se você joga uma hashtag de #Dogs, por exemplo, vai se deparar com um cachorrinho mais fofo que o outro, assim você encontra o que procura e quem publicou alcançou seu propósito. É uma ferramenta inspirada no Twitter e convenhamos, muito bem pensada por quem a criou, não é mesmo? Não dá para imaginar uma forma mais eficaz de unir o útil ao agradável.

 

Agora que você já sabe como a plataforma funciona, que tal começar a investir na rede social que tem bombado com cada vez mais usuários? É sucesso na certa!